Prédio da Estação Ferroviária de Imbariê

Endereço

Rua Coronel Sisson, s/n
Visualizar no mapa

Santa Lúcia

CEP: 25266-000

Rede/Holding: SuperVia Concessionária de Transportes Ferroviários S/A

Contatos

Telefone: 08007269494

Site: http://www.supervia.com.br

Seu Nome:

Seu Email:

cancelar    

Imóvel de importância histórica:
sim
Localização:
em propriedade privada, com visitação livre
Pontos de referência:
Delegacia de Polícia de Imbariê
Localidade mais próxima:
Santa Lúcia
Distância até a localidade:
100 m
Distância do Centro (Ponto zero) do município:
29,5 Km
Estilo:
republicano
Arquitetura:
arquitetura eclética
Arquitetura civil:
outros: Estação Ferroviária
Utilização original do atrativo:
Estação Ferroviária
Utilização atual do atrativo:
Estação ferroviária
Sinalização geral de acesso:
mal sinalizado
Sinalização turística:
não sinalizado
Urbana:
totalmente pavimentada
Tipo de pavimentação:
asfáltica
Rural:
Grau de utilização atual:
utilização regular
Atendimento das necessidades atuais:
em parte
Possibilidade de expansão no volume de visitantes:
sim
Tempo necessário para chegar ao atrativo partindo da localidade mais próxima (em minutos):
5
Descrição do acesso:
plano
No acesso encontram-se atrativos:
ambientais, históricos
Tipo:
ônibus regular, transporte alternativo
Outras informações:
transporte próprio, transporte contratado
O atrativo é ou está localizado em unidade de conservação:
Período de funcionamento:
o ano inteiro
Horário:
Horário especial:
atendimento 24hs
Visita:
autoguiada livre
Informações ao visitante:
Guia de turismo / monitor:
Entrada:
gratuita
Facilidades para pessoas com deficiência:
condições de acesso para cadeiras de rodas
DESCRIÇÃO DO ATRATIVO:
A antiga estação "Estela", na localidade de Parque estrela, então pertencente a Nova Iguaçú, foi inaugurada como uma parada de trens em 1888 e manteve esse nome até 1943 quando foi rebatizada de "Estação Imbariê". Nas redondezas da estação haviam apenas algumas residências, algum comércio e uma escola. Nela, eram feitas paradas dos comboios da Companhia Estrada de Ferro Leopoldina Railway pela manhã e a tarde - dizem que com a intenção de trazer a professora da escola. Por volta de 1930, com o início das grandes obras de saneamento e eletrificação da Baixada fluminense, a estação de Imbariê passou a servir como pátio de manobras e cruzamento de composições. Fonte: Acervo do Instituto Histórico da Câmara Municipal de Duque de Caxias; http://www.estacoesferroviarias.com.br
Observações complementares:
Apesar de servir apenas como ponto de embarque e desembarque de passageiros das linhas urbanas que passam por lá, a Estação Ferroviária de Imbariê conserva uma boa parte da história da ocupação e do desenvolvimento da Baixada Fluminense.
As informações foram fornecidas pelos prestadores de serviços, e esses são responsáveis pela sua exatidão. Esclareça diretamente todas as suas dúvidas antes de planejar a sua viagem.